IMENSO

Adoro-

De manhã acordo e já não abro os olhos sem primeiro esboçar um sorriso. Não preciso de destapar o meu olhar para sentir todo o teu brilho e isso é tão bom! Ficaste-me na retina enquanto me desviava das flechas da rotina. Já merecíamos isto. Nós e toda a gente. Todas as pessoas que não evitam a vida acabam por encontrá-la, sabias? Estou a falar a sério. A minha liberdade cabe em ti e só isso é que importa. Posso ficar preso na tua imensidão?

Esperámos um pelo outro e, mal sentimos, não hesitámos. É assim que deve ser! Fomos de perdidos a achados em menos de nada e isso, para mim, é tudo. Será bom demais para ser verdade? Impossível. As mentiras, essas sim, são malvadas demais para serem verdadeiras. Prometo.

Que importa a diferença de idades quando o amor, Esse, nasceu no mesmo dia? Velhos são os cacos que, ao contrário da esperança, são os primeiros a morrer. Já temos idade para ter juízo, por isso o juízo dos outros será sempre isso mesmo: dos outros. O único problema é quando as coisas têm pernas para andar, mas não têm asas para voar. Porquê? É simples, porque o amor está no ar. Queres voar comigo?

Não sei se vai correr bem ou mal. Sei sim que temos tudo para correr, juntos. Lado a lado, de almas dadas como se estivéssemos a atravessar a estrada da vida. E mesmo que nos falte o jeito para ser perfeitos, haverá sempre talento para florear a beleza dos nossos defeitos. A tua maior qualidade? É seres tu, não te esqueças disso. E se algum dia vieres a fugir de nós, não te preocupes. Prometo não correr atrás de ti.

Devagar.

-te.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s